Páginas

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

O Suicídio do Espirito




O Espirito acabou de suicidar-se
Tentou sequestrar a Esperança
Pois seria mais fácil convencer o suicídio coletivo
Dos outros com a Esperança desaparecida.

A Raiva esqueceu de tomar seu remédio
Perdeu o controle e tentou dar um tiro na Razão.
O Discernimento disse que ali não ficava
E que se a Raiva quisesse libertar a Loucura não impediria.

Lá vem a Loucura correndo de mãos dadas com o Amor
Disseram que se conheceram em tempos de crise
Na época em que o Espirito era jovem
E vivia confundindo a todos com ideias anarquista.

O Desespero com sua falta de personalidade
Tentou ficar no lugar da Esperança
Alegando que ficaria no posto por pouco tempo
Só ira preparar tudo para quando o Fim chegasse.
J Mario Cavalcante