Páginas

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Nação dos Leigos

A melancolia matutina
Que se desfaz num copo de café
Desperta-me para realidade de dias piores
De revolucionários egoístas
E jovens indistintos
E para os que temem a chegada de dias melhores
Conformem-se com a ignorância do povo
Que se exalta com um "hit" monossilábico e
Acha que consegue educação pegando atalhos,
Enriquece falsos profetas por pensar que assim se tornaras um bom "cristão",
Enquanto pensarmos que o mal do mundo é sempre culpa dos "outros"
Fechamos os olhos para a realidade do país que sempre lava suas mãos e nunca toma banho
E para os que consideram-se sábios e pensam ser inatingíveis só provam que conseguem esconder um                                                                                                     [pouco melhor sua falta de conhecimento.

E quando seu orgulho patriótico já estiver vespertino lembre se que falta pouco
Para o cair da noite e as canções de Roberto Carlos não farão mais sentindo.
A escuridão que virá traz com ela a nitidez do pensar, e para o que queira dormir
Por que esta cansado da sua carga horaria absurda não o isenta da culpa de não querer lutar.