Páginas

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

DIA 3



Dois mundos distantes
Permanecem incógnitos
Na silhueta de um vestido
Que acorrenta-me em pensamentos

Devaneios de probabilidades infinitas
Situações incompreendidas
Culpa do silencio,
Do looping de desejos contidos.

Caminho em silencio
Entre sociopatas,
Mentes anorexas
E estupidos.

Na busca por eros
Que vi em seus olhos
Em uma tarde qualquer
Onde o vazio fazia casa.

J. Mário Cavalcante